Diário do Grande ABC: S.Caetano dá saco de pão com informe do Profamília

19/04/2012
Vinicius Gorczeski

Cinquenta mil sacos de embrulhar pão, com propaganda do programa social Profamília têm deixado curiosos clientes que vão às padarias de São Caetano. A ação publicitária é curiosa, não tem nada de irregular, mas tem feito a oposição ficar de orelha em pé.

A distribuição do saco de papel às padarias para embrulhar pãezinhos é uma prática legal. Além de disseminar a existência e o funcionamento de uma ação pública, traz impressos os valores nutricionais do alimento.

Entretanto, gerou queixas na sessão de terça-feira por parte dos pré-candidatos ao Paço, vereadores Edgar Nóbrega (PT) e Paulo Pinheiro (PMDB), porque o projeto divulgado é um dos que estão sob responsabilidade da assessora especial de Ação Social, Regina Maura Zetone (PTB), indicada do governo para disputar a sucessão do prefeito José Auricchio Júnior (PTB) , em outubro. “Não vejo ilegalidade, mas, do ponto de vista moral, acho deprimente”, avaliou Edgar.

A administração petebista nega qualquer atividade eleitoreira. A Prefeitura de São Bernardo promoveu ação semelhante no ano passado, ao distribuir isopores térmicos para abrigar garrafas de cerveja.

Para o sócio-fundador do IDPE (Instituto de Direito Político e Eleitoral), Eduardo Nobre, uma única ação não é suficiente para atrelá-la a uma pré-candidatura, já que o governo tem direito de informar balanços e programas. Não há nomes ou fotos no material.

O especialista considera que é preciso existir mais fatores de ligação entre o uso político-eleitoral de uma campanha institucional. Mas alertou que, se reincidentemente há reiteração e transferência de responsabilidades de determinado programa público ao postulante, pode ser considerado “abuso de poder, o que é vetado pela Justiça Eleitoral”.

O Profamília é considerado de “alta complexidade” pelo Palácio da Cerâmica – reúne 16 programas sob seu guarda-chuva.

O governo municipal rechaça qualquer iniciativa de campanha eleitoral. E frisa que a ideia faz parte do bojo de medidas publicitárias da agência de comunicação contratada pelo Paço para expandir a atuação do programa. A propaganda com saco de pão é considerada de baixo custo e de largo alcance para impulsionar o projeto, que atende hoje 20 mil pessoas. Além disso, é feita por meio de mídia ecológica e biodegradável.

Segundo a administração, há dificuldades de penetrar a informação nos prédios. E por se tratar de uma cidade pequena, cuja população tem o hábito de frequentar padaria, a medida é classificada como eficiente, pois “não é ofensiva, não vende nada, simplesmente informa de planos de benefícios de seu município” às pessoas.

A ação, que escolheu estabelecimentos por classe social, localidade e frequência de público quinzenal, expira dia 28, ou enquanto durarem os estoques.

A Prefeitura não informou gastos com a ação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: